Somos o que amamos

IMG_20190411_170055.jpg

Eu Sou o que faço. Faço o que Amo, logo Sou o que Amo.

Coloco-me em cada missão que assumo na vida. Sou parte de muitos todos. Uma das coisas que mais gosto é de sentir que estou efetivamente onde me sinto.

Há uns meses atrás assumi a coordenação da Associação 1% e desde então tenho vindo a desenvolver um trabalho que me tem enchido o coração e dado muito sentido à vida.

Eu tenho formação na área social onde trabalhei durante 10 anos mas saí zangada e decidida a não mais voltar. A visão assistencialista como se trabalha no social sempre me causou repulsa, os egos constantemente à procura de reforço e evidência, as certezas absolutas e a sensação de frustração constante afastaram-me durante anos mas, na verdade, sempre mantive na minha vida um olhar especial sobre o outro, uma constante atenção sobre os que me rodeiam e uma forma de estar onde a educação e a intenção são o motor desta solidariedade que, para mim, faz parte da minha cidadania ativa.

Estou completamente envolvida na missão de contribuir ativamente para uma sociedade mais consciente e solidária através de algo que acho essencial que é a valorização pessoal.

Na 1% queremos mudar o mundo, trabalhamos no sentido de alterar mentalidades de gerar comportamentos constantes de ligação com o outro, vamos gritar bem alto que a solidariedade precisa da educação das emoções para deixar de ser pontual, para passar a ser parte de cada um de nós e não algo exterior que fazemos com uma calendarização pré definida.

Acredito que um dia todos nós vamos dar o que somos e não o que temos. Que campanhas de angariação de alimentos ou roupa possam deixar de fazer sentido porque diariamente todos nós colmatamos as necessidades dos que nos rodeiam. Um dia a solidariedade vai deixar de ser uma campanha e vai passar a ser parte dos nossos dias, dos hábitos, da nossa normalidade. Nesse dia tudo fará sentido.

Escrevi um Manifesto onde coloquei a alma do que é ser 1%.

Não podia deixar de o partilhar aqui, de trazer para este Projeto Nheko algo que faz parte de mim e, claro, da minha Vida em Família.

Encontro tantas ligações entre o que fazemos na 1% e aquilo que me move na relação com as pessoas que amo. Há alturas mágicas em que as peças do puzzle encaixam na perfeição e nós conseguimos sair de nós para observar a vida a acontecer.

Obrigada por continuarem a visitar este meu sitio.

Manifesto 1% 
Somos 1%
Somos uma parte.
E todos fazemos parte de um todo,
todos somos parte de várias partes.
Somos 1% nesta construção comum.

Ser 1% não é dar, é Ser.
Procurar dentro de cada um de nós o que de melhor temos,
o que nos dá mais prazer, o que nos motiva o que nos quer levar mais longe,
o que nos empurra os pés para a terra e nos segura a cabeça nas nuvens.

Dar do que Somos implica conhecer a nossa própria natureza,
não é o mesmo que dar do que temos,
é partilhar a nossa riqueza interna sem ter de recorrer a elementos externos.

Tirar de dentro o nosso 1% e oferecê-lo ao mundo é ser capaz de provocar a reconstrução constante desse bocado arrancado.
Ser 1% é participar num movimento de renovação interior através da relação com os outros.
Não se trata de dar ao outro o que temos a mais,
é Ser-se mais,
é Ser 1%.

Identidade criada pelo meu querido amigo, o muito talentoso Paulo Arraiano

YUP VISUAL STUDIO.COM

Alexandra Neves daSilva